Virtual Educa Bahia 2018 inscreve para a apresentação de trabalhos científicos até 30 de abril

Os educadores, estudantes e pesquisadores que desejarem apresentar trabalhos acadêmicos durante o XIX Encontro Internacional Virtual Educa, um dos maiores encontros internacionais de tecnologia aplicada à Educação da América Latina, que será realizado, pela primeira vez na Bahia, entre os dias 4 a 8 de junho, devem realizar as inscrições até o dia 30 de abril, pelo endereço:  <virtualeduca.org/encuentros/bahia2018/PT/ponencias>.

025
A seleção dos trabalhos será feita por uma comissão científica internacional. O resultado final dos selecionados será publicado no dia 11 de maio. Também seguem abertas as inscrições para a participação no evento, até 20 de maio, através do link <virtualeduca.org/bahia2018/inscripcion/>. Para professores e profissionais de Educação das redes municipal, estadual e federal do Estado da Bahia as inscrições são gratuitas.

O Virtual Educa reunirá grandes personalidades da área de Educação do Brasil, da América Latina, Caribe e da África e terá como tema “Educação para transformar a sociedade em um espaço multicultural único”. As atividades acontecerão no novo Centro de Formação e Eventos da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, a ser inaugurado no antigo ICEIA, no bairro do Barbalho, em Salvador. Paralelamente, o Virtual Educa envolverá o Fórum Global de Educação e Inovação “Cooperação Sul-Sul” voltado para representantes governamentais e de instituições internacionais, a ser realizado no Porto de Salvador.

Sustentabilidade – O Virtual Educa opera por meio de uma aliança de organizações internacionais, agências multilaterais e instituições públicas e privadas, reunindo os setores público, empresarial, acadêmico e da sociedade civil. A 19ª edição do Encontro marcará o lançamento do programa Think Blue, do Banco Mundial, que visa estabelecer um marco mundial sobre a economia do mar, com foco na sustentabilidade e na economia sustentável. No ano passado, o evento reuniu mais de 29 mil pessoas em Bogotá, na Colômbia.

Saiba mais sobre o Virtual Educa no Portal da Educação: www.educacao.ba.gov.br

Escolas têm até esta sexta para cadastro na Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente

Os gestores, professores e coordenadores pedagógicos das escolas do Estado da Bahia deverão cadastrar os projetos ambientais elaborados nas unidades escolares para a V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente. Para as escolas, do sexto ao nono ano do Ensino Fundamental, que já fizeram conferência escolar, o prazo para preencher o formulário se encerra nesta sexta-feira (20). As experiências deverão ser descritas no site do Ministério da Educação (MEC): http://formularios2.mec.gov.br/formulario-v-cnijma

download (1)

O coordenador de Educação Ambiental e Saúde da Secretaria da Educação do Estado, Fábio Barbosa, falou sobre a necessidade da observância dos prazos. “É importante destacar que caso não realizem o cadastramento no site do MEC, as escolas não poderão participar das etapas posteriores. Por isso, é fundamental o empenho de toda a comunidade escolar neste processo. A Bahia vem sendo destaque nas últimas edições da Conferência e precisamos continuar dando visibilidade, cada vez mais, as ações que acontecem no chão da escola”, afirmou, ao acrescentar que, até o momento, quase mil escolas na Bahia, das redes estadual, municipais e particulares, já realizaram suas conferências escolares.

Ensino Médio – Já as escolas da Educação infantil, dos anos iniciais do Ensino Fundamental, e do Ensino Médio têm até o dia 30 de abril para fazer o registro do processo em formulário próprio pelo endereço:http://formularios2.mec.gov.br/registro-da-conferencia-na-escola-v-cnijma-fora-do-regulamento

Sobre a Conferência – Com o tema “Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas ”, a V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA) tem o objetivo de mobilizar a comunidade escolar para realizar processos educativos, por meio da participação social, sobre a dimensão socioambiental da água. A V Conferência Nacional acontece em quatro etapas. Na primeira, a conferência escolar, os alunos elaboraram um projeto de ação com foco na dimensão socioambiental da água. Na Bahia, a III Conferência Estadual Infantojuvenil pelo Meio Ambiente apresenta como tema: “As Escolas da Bahia cuidando das águas” e está em andamento com a etapa escolar.

Secretaria da Educação do Estado convoca aprovados em seleção REDA para diferentes funções

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia está convocando os candidatos aprovados nos processos seletivos realizados pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA). Nesta quinta-feira (19), foram publicados editais no Diário Oficial do Estado (DO) para diferentes funções: técnico de nível médio/ mediador do Ensino Médio por Intermediação Tecnológica (EMITEC), professor da Educação Básica (substituto), professor da Educação Básica e Básica do Campo, preceptor de Estágio de Enfermagem e pessoal para a Educação Inclusiva, nas funções de: Técnico de Atendimento Educacional Especializado (Técnico AEE), Tradutor/intérprete de LIBRAS.

download (1)

A orientação é para que os aprovados e convocados compareçam, imediatamente, ao Núcleo Territorial de Educação (NTE) para os quais foram selecionados. No caso da Região Metropolitana de Salvador, os convocados deverão comparecer à sede da Secretaria da Educação do Estado, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), sala 138, para a apresentação dos documentos necessários à contratação. Os editais de convocação podem ser conferidos no Portal da Educação:http://institucional.educacao.ba.gov.br/selecaoconcursos

Agente de portaria – A Secretaria da Educação do Estado também divulgou, no Diário Oficial, desta quinta-feira (19), a lista dos candidatos classificados e desclassificados para a função de agente de portaria. Os mesmos terão dois dias úteis subsequentes à publicação no DO para realizar a interposição dos recursos. A ação pode ser feita via internet, através do endereço eletrônico: curso.inscricao@educacao.ba.gov.br, ou por meio do Setor de Protocolo da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, localizada na Avenida 5 , nº 550, Superintendência de Recursos Humanos da Educação – SUDEPE/DIPES, 1º andar, sala 123, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. O documento do recurso deve constar o endereço para correspondência, telefone, e-mail e assinatura do candidato.

Após a homologação do resultado final, os candidatos aprovados para agente de portaria serão convocados conforme distribuição de vagas, por meio de edital a ser publicado no DOE. Os critérios seguem segundo a opção de função temporária por Núcleo Territorial da Educação (NTE), unidade escolar e município observando rigorosamente a ordem de classificação final do Processo Seletivo Simplificado (lista de ampla concorrência, lista de candidatos negros e lista de candidatos com deficiência).

Educadores participam de formação para a coleta de dados do novo Currículo Bahia

Profissionais que irão atuar na coleta de dados dos Ensinos Fundamental e na Educação Infantil junto às redes públicas estaduais e municipais para subsidiar a elaboração do novo Currículo Bahia, passaram por uma formação, nesta terça-feira (17), na sede da Secretaria da Educação do Estado. O objetivo é fazer com que os chamados ‘educadores-redatores’ da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) agreguem informações sobre os 27 Territórios de Identidade da Bahia, despertando o olhar para as diversidades socioeconômicas, culturais e ambientais do Estado.
A iniciativa faz parte do processo de elaboração do novo Currículo Bahia, ligados às diretrizes da BNCC, envolvendo a coleta e a sistematização das contribuições nas unidades estaduais e municipais referentes às ofertas de ensino nestas duas modalidades. A atividade contou com a presença do professor Roberto Sidney, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), que falou sobre o processo de elaboração curricular. O diretor de estudos, Edgar Porto, da Secretaria de Planejamento do Estado (SEPLAN), também participou e falou sobre o desenvolvimento regional e as diferenças entre os diversos territórios.
dsc0118
O superintendente de Políticas para a Educação Básica do Estado, Ney Campello, destacou a importância da abordagem. “A nossa intenção é que ao final de um período, provavelmente em outubro, a coleta de informações possa convergir também com a BNCC do Ensino Médio, para o chamado novo Currículo Bahia. E para treiná-los, estamos convidando profissionais que possam auxiliar nesse processo, pois a nossa pretensão é que o processo de elaboração curricular seja associado e articulado com as identidades econômicas, culturais, sociais de cada um desses territórios e municípios. E para isso, os redatores não podem ser meros coletores de informações. Eles têm que entender o estado com suas diferenças e similaridades”, afirmou.
Segundo Edgar Porto, da SEPLAN, o conhecimento sobre os Territórios de Identidade é fundamental nesta construção. “A gente não pode falar da Bahia como um todo sabendo que o Estado tem muitas diferenças regionais. Vamos mostrar como é importante nos reconhecermos dentro da nossa região, porém pensando no mundo inteiro. Evidente que temos traços em relação aos fluxos econômicos e sociais de outras regiões do mundo, mas as regiões têm também as suas especificidades”, relatou.

Estado inscreve para seleção REDA de professor da Educação Profissional para a capital e o interior

A Secretaria da Educação do Estado está com inscrições abertas, até o dia 23 de abril, para o processo seletivo de professores para a Educação Profissional e Tecnológica, pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA). São ofertadas 130 vagas, sendo 100 para professores que irão atuar no Eixo Tecnológico de Produção Cultural e Design e 30 para o Eixo Recursos Naturais. As inscrições são feitas, exclusivamente, pelo site: selecao.ba.gov.br
mediotec5
A oferta para o Eixo Recursos Naturais é para professores que irão atuar no curso técnico de nível médio em Agroecologia, nos Centros Estaduais (CEEP) e Territoriais (CETEP) de Educação Profissional e anexos, localizados nos municípios de Itaitê, Wagner, Conceição do Coité, Itaberaba, Barra do Choça e Conceição do Almeida. Estes cursos são ofertados em regime de alternância, por meio do qual os alunos ficam parte do período interno na unidade escolar e parte nas suas comunidades.
Já os professores do Eixo Tecnológico de Produção Cultural e Designer irão atuar nos cursos de Canto, Cenografia, Composição e Arranjo, Comunicação Visual, Conservação e Restauro, Dança, Figurino Cênico, Instrumento Musical, Multimídia, Processos Fotográficos, Produção de Áudio e Vídeo, Publicidade, Regência e Teatro, ofertados tanto nos Centos de Educação Profissional quanto no projeto Escolas Culturais, em vários Territórios de Identidade da Bahia.
Os interessados devem possuir diploma devidamente registrado de conclusão de curso de nível superior em instituição reconhecida pelo Ministério da Educação, de acordo com a função e/ou área de atuação. O processo seletivo simplificado será constituído de uma única etapa – avaliação curricular -, de caráter eliminatório e classificatório. O resultado provisório dos candidatos habilitados será divulgado no dia 25 abril, no Portal da Educação, com prazo para recursos abertos nos dias 26 e 27 de abril. A relação definitiva dos candidatos habilitados será divulgada no dia 4 de maio, para que encaminhem a documentação de comprovação da avaliação curricular.

Secretaria da Educação do Estado convoca aprovados em seleção REDA em toda a Bahia

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia está convocando os candidatos aprovados nos processos seletivos realizados, em 2017, pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA), para professores e profissionais da Educação. As convocações acontecem mediante publicações de editais no Diário Oficial do Estado (DO). Até o momento, a Secretaria já convocou 5.524 educadores.
índice

A orientação é para que os aprovados compareçam, imediatamente, ao Núcleo Territorial de Educação (NTE) para os quais foram convocados, para os procedimentos necessários à contratação e encaminhamento às unidades escolares que possuem vaga para assumirem suas funções. Os editais de convocação podem ser conferidos no Portal da Educação: http://institucional.educacao.ba.gov.br/selecaoconcursos
Para ampliar o quadro e investir, ainda mais, na carreira do magistério estadual, a Secretaria realizou o concurso público para 3.760 vagas de professores e coordenadores pedagógicos, em 2018, com resultado final a ser divulgado no dia 12 de junho.

 

Governo de Estado divulga resultado provisório do concurso da Educação

O Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (14) publica o resultado definitivo da primeira etapa – provas objetivas – do concurso público da Educação, voltado ao preenchimento de 3.760 vagas de professor e coordenador pedagógico na Bahia. A publicação, veiculada em caderno especial pela Secretaria da Administração (Saeb), traz ainda o resultado provisório da segunda etapa do certame, composta por prova discursiva, e a convocação dos habilitados para a terceira fase do concurso, destinada à avaliação de títulos.
inicio-das-aulas-no-colegio-david-mendes-em-2017-087_0
As publicações também estarão disponíveis no Portal do Servidor (www.portaldoservidor.ba.gov.br) e no site da Fundação Carlos Chagas – FCC (www.concursosfcc.com.br), organizadora do certame. Os candidatos que tiverem interesse poderão realizar interposição de recurso com relação ao resultado provisório da segunda etapa do certame, a ser apresentado dentro do prazo de dois dias úteis a partir da publicação. Já a avaliação de títulos deverá observar as orientações listadas na convocação, com entrega da documentação no período de 16 a 19 de abril.
“A decisão do governador Rui Costa em fazer o concurso público em meio a um cenário economicamente adverso no país mostra o compromisso do Governo da Bahia em melhorar a Educação, compreendendo o papel destes profissionais para o fortalecimento do eixo pedagógico das escolas”, afirmou o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.
Realizado conjuntamente pelas secretarias da Administração (Saeb) e da Educação (SEC), o certame ocorreu no dia 25 de fevereiro, em todo o estado. Dos 103.592 inscritos, 41.404 foram habilitados – sendo 195 candidatos com deficiência e 11.977 declarados negros. Os habilitados concorrerão entre si, nas etapas subsequentes, para ingresso em uma das 3.096 vagas de professor e 664 de coordenador pedagógico. O certame tem validade de um ano, prorrogável por igual período, e irá abranger 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTEs).

Educadores participam de formação voltada para a alfabetização de crianças na idade certa Educadores participam de formação voltada para a alfabetização de crianças na idade certa

índice

Cerca de 140 formadores locais da Região Metropolitana de Salvador participaram, nestas quinta e sexta-feira (12 e 13), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador, da formação “III Tempo Formativo – Refletindo sobre os percursos de ser alfabetizador: problematizar, analisar e refletir a prática alfabetizadora do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC)”. O encontro aborda estratégias voltadas à alfabetização das crianças na idade certa, ou seja, até os oito anos de idade.

A coordenadora regional do PNAIC, do NTE 26, Luciana Moraes, fala sobre o impacto da formação nos municípios. “Estes formadores locais foram indicados pelos municípios através de uma seleção e, quando retornarem às suas cidades irão realizar uma formação com os professores e coordenadores pedagógicos de suas redes que, por sua vez, vão chegar até os estudantes”, destacou.

A formadora regional do NTE 26, Laurinda Julião, responsável pela formação das turmas do segmento Pré-Escola, salientou que pela primeira vez o PNAIC incluiu a pré-escola. “Nesta formação, esclarecemos com os formadores locais a diferenciação entre a formação de atitudes de leitores e produtores na leitura e na escrita em uma perspectiva lúdica que não é a antecipação de uma escolarização na pré-escola. Outro ponto que destacamos foi a ludicidade como princípio formativo, pois nas diretrizes curriculares e na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) estão previstos como princípios de que a criança precisa se desenvolver em todos os campos de experiências nos eixos de formação pessoal e de conhecimento de mundo, através da brincadeira e, principalmente, das interações”.

Para a formadora local, Ana Cristina Palmeira, que atua em Salvador, processos formativos como este são enriquecedores. “É um momento que nós temos de ressignificação dos conhecimentos porque o mundo é dinâmico e, a partir disso, iremos orientar outros professores e coordenadores pedagógicos a reverem suas práticas. Além disso, podemos trocar experiências com formadores de diferentes municípios”, afirmou a educadora.

Estudantes da rede estadual elegem seus líderes de classe

índice

Os estudantes da rede estadual de ensino da capital e interior do Estado estão escolhendo os seus representantes durante a eleição de líder e vice-líder de classe, iniciada nesta segunda-feira (9) e que segue até esta terça (10). A iniciativa, que deverá eleger mais de 45 mil estudantes, contribui para uma gestão democrática e participativa, além de promover o empoderamento juvenil.

No Colégio Estadual Pinto de Aguiar, localizado no bairro de Mussurunga, em Salvador, a eleição mobilizou toda a comunidade escolar, nesta segunda-feira. Todos estavam animados para votar e exercer o ato de cidadania. Este é o caso da estudante Eliana Bonfim dos Santos, 10, 6° ano. “É a primeira vez que eu participo de uma eleição de líder de classe e isso é muito legal, porque estamos elegendo um colega que irá nos representar”, afirmou.

Para o candidato a líder de classe Caique Nunes, 12, 6° ano, a função de líder de classe é uma grande responsabilidade. “Se eu for eleito, pretendo ajudar os meus colegas e a direção da escola no que for preciso”, garantiu. Já o candidato a líder Andrey Zuanee da Silva, 13, 6º, comentou: “Estou mais preparado e responsável para ajudar a solucionar os problemas da sala e da escola e, para isso, pretendo fazer reuniões para ouvir a opinião de cada colega”, revelou o estudante.

Para a diretora do colégio, Ana Paula Ramos, a eleição de líder é muito importante.  “A eleição de líder de classe é uma maneira do estudante perceber a importância de exercer o papel da cidadania, pois se torna um adulto melhor e participativo na sociedade. Isso faz com que também os alunos atuem desde pequenininhos como agentes educativos na própria escola”, destacou a gestora.

Nos colégios estaduais Rômulo Galvão e Deputado Henrique Brito, localizados em Salvador, a eleição acontece nesta terça-feira (10), envolvendo a participação dos estudantes de todas as séries.

O papel do líder – Os estudantes eleitos serão os interlocutores da turma junto à comunidade escolar. Entre as atividades, eles devem cuidar do interesse coletivo, identificando as necessidades das turmas relativas à melhoria do processo de ensino e aprendizagem e estimular o bom relacionamento dos estudantes, por meio do diálogo.

Estudantes fazem campanha para eleição de líderes de classe na rede estadual

download

Mais de 45 mil estudantes deverão ser eleitos líderes e vice-líderes de classe nas escolas da rede estadual nas eleições, que serão promovidas pela Secretaria da Educação do Estado, de segunda a quinta-feira (9 a 12). A iniciativa tem como objetivo envolver os alunos nas atividades realizadas nos colégios, contribuindo para uma gestão democrática e participativa, além de promover o empoderamento juvenil.

Nas escolas, a semana está sendo de campanha pela disputa dos votos. Na capital e no interior, a comunidade escolar está mobilizada para o quarto pleito realizado com esta finalidade na rede estadual. Os estudantes montam as suas chapas e estão em pleno processo de disputa de votos, apresentando aos colegas suas propostas de melhoria da escola e como podem contribuir com a gestão escolar.

No Colégio Estadual Senhor do Bonfim, em Salvador, a mobilização dos estudantes conta com o envolvimento do Grêmio Estudantil e com o acompanhamento da direção da escola. “Ficamos na supervisão, observando a articulação deles e com a parte de documentação, mas o protagonismo é dos estudantes”, destacou o vice-diretor, Fabiano Rocha.

As comissões eleitorais também já foram constituídas, como no caso do Centro Educacional Monteiro Lobato, localizado em Firmino Alves (440 km de Salvador). As comissões são formadas por representantes de alunos, professores, funcionários e das famílias e têm o papel de acompanhar e legitimar o processo eleitoral em cada sala de aula, como explica a professora e vice-diretora do Monteiro Lobato, Sicleide Cintra. “A comissão tem um papel muito importante na eleição de líderes de classe, pois iremos viabilizar a realização de todo o processo eleitoral de forma consciente e democrática”, afirmou.

Os estudantes eleitos serão os interlocutores da turma junto à comunidade escolar. Entre as atividades, eles devem cuidar do interesse coletivo, identificando as necessidades da turma relativo à melhoria do processo de ensino e aprendizagem e estimular o bom relacionamento da turma, através de diálogo.

Cronograma da eleição:

04 a 06 de abril – Período de campanha;

09 a 12 de abril – Período de votação;

17 a 28 de abril – Lançamento dos dados dos líderes de classe no sistema escolar.